Publicidade

Tema Livre - O confronto do século

Olá, galera do Cartola FC Dicas! Hoje, em Yokohama, mais um duelo marcou a história do futebol. Desta vez entre dois grandes do mundo futebolístico. Os considerados donos do mundo do futebol, contra o time de jóias brasileiras. No que deu? O previsto. Vitória do Barcelona por 4x0. Agora, confira mais um tema-livre, falando bastante sobre como foi esse jogão.

Jogo mais esperado por todos do ano. Dois times que jogam com um futebol envolvente, que encantam todos. De um lado, se não o melhor, um dos melhores times do Brasil em 2011, time do craque, do mito Neymar, Do outro, o melhor time do mundo, onde o destaque, todos conhecem, o melhor do mundo, o cara mais impressionante, o gênio, ele, Lionel Messi. Um jogo onde todos os palpites poderiam ser arriscados, onde um time valoriza a posse de bola, e o outro vai com tudo pra cima, o que iria acontecer?

O Jogo


O juiz apita o começo de jogo, corações acelerados, pura tensão, o jogo mais esperado começou, o que vinha pela frente? O Barcelona começou como o esperado, bola nos pés, sempre administrando, tentava de qualquer forma furar a zaga do Santos, que tentava explorar os contra ataques, onde foi a única forma que encontrou de pegar o time catalão desprevinido. O time do Barcelona sempre procurava usar Messi em suas jogadas, e aos 16 minutos do primeiro tempo, ele apareceu, em uma enfiada de bola de Xavi, onde a bola passou do lado das pernas do zagueiro Durval que falhou no lance, o gênio pegou na bola, ajeitou e foi só colocar pra dentro e sair pro abraço. A apreensão havia acabado, mas o jogo não mudou, o Barcelona continuava com maior posse de bola, e as chances do Santos, raras, não eram aproveitadas, principalmente com Borges e Neymar.

A essa altura, o Barça era Barça. Dominava a posse de bola e encurralava o Peixe, como costuma fazer com todos os seus adversários e aos 17 minutos, ainda do primeiro tempo, o Barcelona mostrou novamente porque é o melhor time do mundo. O lateral Daniel Alves fez o cruzamento, Xavi dominou e bateu no canto esquerdo de Rafael, que não teve chance no lance. O Santos queria apenas que o primeiro tempo acabasse, para tentar consertar os erros, e aos 30 minutos, Muricy teve que fazer uma substituição forçada, Danilo saiu machucado para a entrada de Elano. Nada mudou. E o Barça ainda ampliou!

Para complicar ainda mais a situação do Santos, aos 44 minutos, Messi recebeu a bola no meio da zaga e, de calcanhar, tocou para Daniel Alves, que cruzou para trás. Rafael espalmou. Thiago tentou de peixinho, o goleiro santista defendeu novamente, mas a bola caiu no pé direito de Fábregas. Estava encerrada a primeira etapa. O Barça deu uma aula. O Santos tentou jogar, mas foi impossível.

No segundo tempo, parece que a conversa no vestiário adiantou, o Santos conseguiu diminuir a posse de bola do Barcelona, conseguiu jogar, sem medo, apresentar o futebol que todos conhecem, de igual para igual, mas não foi o bastante para frear o temido Barcelona, que ainda teve tempo de transformar a vitória em chocolate. E que chocolate, que golaço de Messi. Numa jogadaça de Daniel Alves, Lionel recebeu, driblou Rafael, aí foi só dar um tapa e correr pro abraço. Correr pro abraço do título, do bicampeonato mundial catalão. Para homenagear Villa.

E aos santistas? Só restou se entregar ao futebol do time do Barcelona, um futebol envolvente, um time que será lembrado por muito tempo, e que, para ser parado, depende não apenas de um dia muito inspirado do time adversário, mas que eles estejam num dia ruim, porque quando eles estão impecáveis ninguém segura. Ninguém esperava um placar desse, e o Barcelona, mas uma vez, encantou ao mundo.

Parabéns Barcelona!

Parabéns Santos!

Cartola FC Dicas, o Maior e Melhor Blog de Cartola FC do Brasil


Por: Merso S.F.C
Postado e editado por: Snick

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade