Publicidade

Giro pelos Estaduais 2012

Perdeu alguma coisa no fim de semana? O CARTOLFCDICAS.COM resgata o que aconteceu de mais curioso na rodada dos estaduais e apresenta num pacote que tem de tudo: desde o artilheiro Tiririca até o salgadíssimo preço de ingresso de um jogo no Campeonato Paranaense: R$ 95. Confira!

Tiririca artilheiro

O dono da bola no Campeonato Sergipano é o atacante Cristiano Tiririca. No domingo, ele marcou duas vezes na derrota para o Itabaiana e chegou a oito gols no Estadual, dono absoluto da artilharia. Paraense de Benevides, Tiririca ganhou esse apelido quando ainda era juvenil, e tinha o cabelo parecido com o do humorista, que hoje é deputado federal.

Tatuagem falsa

Outro artilheiro que chamou a atenção no fim de semana foi Wellington Paulista. Ele marcou dois gols na vitória do Cruzeiro sobre o América TO e comemorou apontando para uma tatuagem no braço. Mas o que foi descoberto logo depois é que a tatuagem era falsa.Trata-se de uma espécie de tecido com estampa que cobriu todo o braço direito do atacante.

- É para que o torcedor possa comprar. Garanto que todo mundo tomou um susto. É um lance do marketing do Cruzeiro. Ela veste até em cima, é quase uma segunda pele. Deu sorte. Vou continuar com ela.

Públicos bizarros

Vários estádios pelo Brasil estiveram às moscas neste fim de semana. No Espírito Santo, somente 73 pessoas pagaram ingresso para ver o empate do ES de Anchieta contra o São Matheus. A renda foi de apenas R$ 525,00. Enquanto isso, no Campeonato Cearense, só 26 testemunhas apareceram para conferir Tiradentes 0 x 0 Crato, no estádio Domingão, em Horizonte.

Ingressos de jogo do Paranaense a R$ 95

A diretoria do Corinthians-PR determinou o incrível preço de R$ 95 para os ingressos da partida contra o Coritiba, disputada neste domingo, no Janguito Malucelli. Apenas 800 entradas foram colocados à venda. A liberação de apenas 20% da capacidade foi uma determinação do Ministério Público e da Polícia Rodoviária Federal para diminuir o fluxo de pessoas nas imediações do estádio, que fica às margens da BR 277. O mesmo ocorreu com o Atlético-PR, que havia definido o estádio como a sua casa, mas já no primeiro jogo um torcedor foi atropelado e morreu. Em campo, o Coritiba venceu por 2 a 1.

Paredão do Paulistão

Defender dois pênaltis num mesmo jogo é para poucos. Alex, do Comercial, pode se orgulhar. A vitória magra da Ponte Preta por 1 a 0 poderia se tornar goleada se não fosse o goleiro. Aos 34 minutos do segundo tempo, Cajá foi derrubado por Jordã e Roger teve a chance de fazer o primeiro gol no seu retorno. Mas bateu mal, no canto direito do goleiro comercialino, e facilitou a defesa. Aos 40, o árbitro marcou nova penalidade, desta vez cometida por Fabão. Cajá foi para a cobrança, mudou o canto e mandou um canudo. Alex foi no cantinho e a bola ainda bateu na trave.

Artilheiros inspiradíssimos

O atacante Lê deu show de inspiração ao fazer quatro gols na goleada do Veranópolis sobre o Pelotas, por 5 a 1, neste domingo, pelo segundo turno do Campeonato Gaúcho. Atrás dele ficou Neto Baiano, que balançou as redes três vezes na goleada do Vitória de 5 a 0 sobre o Atlético-BA. Nem para a mãe, nem para a mulher. O jogador preferiu dedicar o gol a Durval Lélys, vocalista da banda de axé Asa de Águia. No Sul-Mato-Grossense também teve três gols de um jogador. O Comercial fez 7 a 0 no Maracaju com grande colaboração do atacante Edvaldo.

Guarda-chuva ou guarda-cuspe?

Após o apito final na Vila Belmiro, Tite virou para a arquibancada, bateu no peito e esbravejou contra alguns torcedores do Santos. O motivo? O técnico alega ter sido atingido por cusparadas durante todo o clássico, vencido pelo Peixe por 1 a 0 na tarde deste domingo, pela 12ª rodada do Campeonato Paulista.

- Eu estava p... da vida. Passei o jogo todo tomando cusparada nas costas. Estou fedendo a catarro. É a terceira vez que isso me acontece aqui. Tenho relatado isso ao árbitro, porque não tem como trabalhar assim. Eu só quero que me respeitem como profissional - declarou.

Atacante malandrinho

Na terceira divisão do Campeonato Paulista, o XV de Jaú venceu o Inter de Bebedouro por 2 a 1, na casa do adversário. O fato curioso ficou por conta do atacante Matheus, do Bebedouro, que tentou ser malandro ao andar até a bola numa cobrança de pênalti como se fosse ajeitá-la. Mas acabou batendo, enganando o goleiro e todos que assistiam ao lance. Mas o árbitro Marcelo Aparecido da Silva não validou a jogada, mostrando cartão amarelo para o jogador.

Fonte : Globoesporte.com

Um comentário:

  1. Esse CFD esta a cada dia melhor sempre inovando parabéns equipe CFD

    ResponderExcluir

Publicidade