Publicidade

A realidade do futebol fora das quatro linhas



Hoje, 26, é dada a notícia de que as torcidas organizadas Mancha Verde e Gaviões da Fiel, de Palmeiras e Corinthians, respectivamente, foram banidas dos estádios paulistas. Assim que vi a notícia, resolvi vir aqui escrever a vocês, leitores, um breve texto sobre o ocorrido.


Sei que estou saindo um pouco do rumo do site, mas a realidade do nosso futebol hoje tem que ser registrada. 


Morreu, na tarde de domingo, horas antes de começar o clássico entre os rivais Palmeiras e Corinthians, um jovem que participava da briga, que foi bravamente baleado pelos torcedores presentes no ''confronto''. Somente o fato dos torcedores andarem com armas pelo estádio ou rumo ao estádio, já é gravíssimo. 


Cerca de 300 ''torcedores'' (entre aspas, pois torcedor que é torcedor não faz essas coisas), participaram da briga que deixou muitos feridos após tacarem paus, barras de ferro e pedras. 


Os principais participantes do combate foram detidos, e logo encaminhados para o 72º Distrito Policial. Chegaram com armas, foram presos, mas quem disse que levaria tempo? Logo, foram liberados.


A Federação, no entanto, foi profissional ao dizer que é seu dever preservar a disciplina no futebol brasileiro. Se todas as forças do governo se dessem conta de que tem seus deveres e suas missões, teriamos um Brasil um pouco melhor. Agora, é educar esses cidadãos que se acham os melhores ao balear pessoas. 


Deixo aqui um registro que provavelmente não vá mudar nada na situação do Brasil, mas pelo menos abro um debate sobre um dos problemas de nosso país: crimes. Penso em quando isso vá melhorar, mas já imagino um futuro bem distante. 


Abraços, 
Marcelo Snick

4 comentários:

  1. Snick, Gostei muito da sua expressão. Mostrei até para os meu pais,pra mim isso nao e humano.

    ResponderExcluir
  2. o foda é que existe isso mesmo aqui no meu estado tem umas torcidas organizadas do mesmo time que começa a brigar do nada e rola até morte os mlk ai tem que fazer tipo uma lei para as torcidas que marcarem e provocarem briga seja banida por um bom tempo dos estadio se ninguém toma atitude vai continua do jeito que ta!

    ResponderExcluir

Publicidade