Publicidade

Scouts de Fluminense 1 x 1 Botafogo

Olá Cartoleiros!

O CARTOLAFCDICAS.COM mostrou ao vivo os Scouts de Fluminense 1 x 1 Botafogo, pelo Campeonato Carioca 2012.
 
Faltou um algo a mais no Clássico Vovô deste domingo, no Engenhão. Diante de apenas 8.020 pagantes (11.340 presentes), Botafogo e Fluminense empataram em 1 a 1, gols de Elkeson e Fred, resultado que não foi bom para ambos. O Alvinegro, que mandou duas bolas na trave com Herrera, vai aos 14 pontos e perde a liderança do Grupo A para o Flamengo, que tem 15. O Fluminense não consegue entrar na zona de classificação, fica em terceiro no Grupo B, com sete pontos, a dois do segundo colocado, o Bangu.

Faltando duas rodadas para o fim da Taça Rio, o Botafogo só depende duas suas forças. Já o Flu precisa torcer por pelo menos um tropeço do Bangu, que enfrenta Macaé e Resende, além de vencer seus dois últimos jogos.

O próximo compromisso tricolor é sábado, contra o Madureira, em Conselheiro Galvão. O Alvinegro tem pela frente o Friburguense, domingo, no Engenhão. Antes, o Botafogo enfrenta o Guarani, quarta-feira, em Campinas. O Tricolor não joga pela Libertadores.

O primeiro tempo pode ser dividido em duas partes. O Botafogo teve o domínio do jogo no início, abriu o placar e poderia ampliar, mas acabou recuando. Com isso, o Flu cresceu, deixou tudo igual e quase virou. Mais veloz, o Botafogo começou com mais volume. O Fluminense encontrava dificuldades para ficar com a bola. Fred teve boa chance no início quando Jefferson saiu mal do gol, mas o goleiro conseguiu defender a cabeçada.

Depois do nervosismo inicial, o Alvinegro se organizou e não demorou a balançar a rede. Aos 17 minutos, Elkeson ganhou de Bruno, tabelou com Andrezinho e recebeu livre do lado esquerdo da área. Diego Cavalieri saiu do gol, mas o meia bateu de canhota sem chances de defesa para fazer 1 a 0.

O Botafogo quase fez o segundo em bela trama de Renato e Fellype Gabriel. Cavalieri fez boa defesa. Mas, inexplicavelmente, o time de Oswaldo de Oliveira recuou e passou a dar muitos espaços para o Flu, que cresceu. Os laterais Carlinhos e Bruno se lançaram ao ataque, mas os cruzamentos nunca eram bons.

O Flu carecia de mais qualidade, e tal característica sobra a Deco, que passou a jogar. O primeiro ato foi colocar a bola no peito de Fred. O atacante dominou, mas, desequilibrado, mandou para fora. A jogada do gol do empate nasceu dos pés de Deco, aos 34. Nem foi lançado, deixou Márcio Azevedo para trás e cruzou rasteiro para Fred tocar e deixar tudo igual: 1 a 1.

Empolgado com o empate, o Flu foi para cima e quase virou. Numa boa arrancada de Bruno, o cruzamento não foi dos melhores. Mas Deco aproveitou a espirrada da zaga alvinegra para tocar para Nem, na entrada da área, bater com muito perigo. O Fluminense perdeu Valencia, machucado. Edinho entrou.

Fred deixa o campo com a mão na virilha. Herrera acerta a trave duas vezes

Os dois times voltaram para a segunda etapa errando muito. A criação tricolor já não era mais a mesma. Chamava a atenção a atuação ruim de Thiago Neves, apagado. No Botafogo, Herrera sofria com o isolamento.

O Fluminense teve uma baixa importante aos 15 minutos. Fred, com a mão na virilha esquerda, deixou o gramado para a entrada de Rafael Moura. E o Botafogo ficou muito perto de fazer o segundo na sequência, quando Herrera bateu de fora da área e mandou na trave. Para deixar o time mais ofensivo, Oswaldo trocou Andrezinho por Jobson.

O Flu deu a resposta em chute de Jean. Mas, aos poucos, o jogo ficou muito ruim, com inúmeros erros de passe. As chances eram cada vez mais raras. As últimas cartadas foram Rafael Sobis, pelo Flu, e Caio, pelo Botafogo. O Tricolor parou em campo, e o Alvinegro cresceu.

A arbitragem deixou de expulsar Deco aos 37, em entrada dura em Caio. O meia já tinha cartão amarelo, mas não foi punido. A cobrança de falta de Elkeson, mais uma vez, parou na barreira. O Flu chegou bem com Sobis na sequência, mas Jefferson espalmou. E o Botafogo só não desempatou no fim porque o chute de Fellype Gabriel parou em Cavalieri e a cabeçada de Herrera ficou na trave. Final: 1 a 1.
Fonte: Globoesporte.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade