Pensando: E os Jogadores da Copa América?

Fizemos uma análise dos jogadores convocados para a Copa América, mas que já estarão de volta aos seus clubes.
    Foto: www.lance.com.br 

Soteldo – Participou dos 4 jogos da Venezuela na Copa América, assim como no Santos, Soteldo é o incendiário, entra no 2ºtempo pra fazer o famoso salseiro na zaga adversária, com suas jogadas pelas pontas e muita velocidade, o craque anão é sempre uma excelente opção quando o time está esbarrando em uma linha muito fechada do adversário ou precisa descentralizar o jogo.
Cartola: Contra o Bahia, não começará o jogo, mas, se você for um Cartoleiro alegre e ousado, pode escala-lo, pois talvez, o Agassi Portenho....Jorge Sampaoli o coloque no 2ºTempo.

Trauco – Jogou TODOS os minutos do Perú na Copa América, o bom jogador, que ocasionalmente é criticado pela impaciente e chiliquenta torcida flamenguista, fez uma boa Copa América e sempre joga muito bem pela sua seleção.
Cartola: No Flamengo. antes da Copa América, já havia perdido a vaga de titular para Renê. Por enquanto Jorge Jesus está mantendo Renê como titular, portanto, contra o Goiás não escale Trauco, a chance de entrar no jogo é baixíssima.

Cueva – Verdadeiramente vive de lampejos, na Seleção Peruana, depois de Guerrero, é o jogador mais importante. No futebol brasileiro, dentro desses lampejos pode ser útil, o “problema” é o custo/benefício, seu salário é alto. Cartola:Ganhou folga de 10 dias do Larri Passos tatuado...Jorge Sampaoli, portanto, NÃOESCALE.

Guerrero – O REI DO PERÚ, o maior artilheiro e maior jogador da história da Seleção Peruana (não é o maior jogador peruano da história, esse título pertence a Cláudio Pizarro), mais uma vez, Guerrero foi FUNDAMENTAL para o “sucesso” Peruano, foi artilheiro pela 3ªVEZ DA COPA AMÉRICA. No Internacional, e no Futebol Brasileiro, Guerrero não é o mesmo artilheiro, o seu estilo de jogo é diferente, porém, se não ajuda os seus times com gols, faz, possivelmente, o melhor pivô do Continente, o ex de Bárbara Evans, consegue dominar, ajeitar e preparar para os seus companheiros os bicões (que na linguagem dos estudiosos é chamado de Bola Longa) que os zagueiros mandam.
Cartola: Emendou a final com outro jogo tenso contra o Palmeiras na quarta-feira, logo, será poupado, e não jogará no Society contra o Athletico (se a regra dos 10 minutos ou 2 gols fosse aplicada, ele poderia ao menos estar no time de Próximo), portanto, NÃO ESCALE.

Cuellar – Jogou apenas 1 jogo na Copa América, contra o Paraguai, jogo no qual, a Colômbia escalou o time reserva, aproveitou muito bem a chance e marcou o único gol da partida. É um bom jogador, mas, não se engane com os elogios da mídia, jogadores do Flamengo costumam ser supervalorizados, é um bom volante, mas, longe de ser o “jogador de nível europeu” que falam.
Cartola: Será titular, escalá-lo é sempre um dilema, pois, pode pontuar bem roubando bolas (por enquanto tem a EXCELENTE média de 5 por jogo), mas em contrapartida, pode tomar cartões, justiça seja feita nesse Brasileirão ainda não tomou cartões, porém, os 3 CARTÕES VERMELHOS no ano passado sempre assustam.

Derlis Gonzalez – Foi DECISIVO na Copa América, só que negativamente, perdeu 2 pênaltis, o que “ressuscitou” a Argentina, e o que “salvou” o Futebol Brasileiro. É um bom jogador, tem algo que está se tornando raro aqui, que é o chute de longa distância, não se engane com o seu jeito marrento, dentro de campo é produtivo e empenhado, uma espécie de Dudu Paraguaio.
Cartola: No Santos é reserva, algo que vem irritando o jogador, que talvez não fique muito tempo no clube, contra o Bahia não será titular, e talvez não entre durante o jogo, portanto, é arriscado escalá-lo.

Gatito – Melhor goleiro da Copa América, vem evoluindo cada vez mais, tanto na Seleção quanto no clube.
Cartola: Titular absoluto, o Botafogo enfrentará uma equipe muito melhor, portanto, escalá-lo será sempre aquele famigerado dilema, pois, poderá ser bastante acionado e fazer muitas DDs, porém, também pode tomar gols sem fazer DDs, aí meu querido(a) é por sua conta e risco.

Gomez – Infelizmente perdeu um pênalti decisivo, mas, trata-se do Melhor Zagueiro do Futebol Brasileiro, não foi o melhor jogador do último Campeonato Brasileiro pois “só” fez 14 jogos, mas, esse ano, é forte candidato a ser de fato, já que o título palmeirense é só uma questão protocolar.
Cartola: A escalação do Palmeiras é sempre uma incógnita, mas, vale a pena “arriscar” e escalá-lo, pois, o São Paulo não fará gol, então, é certeza os 5 pontos de bônus, fora a FORTÍSSIMA presença ofensiva, além, de ser o batedor de pênaltis, portanto, se ele jogar é CERTEZA de MITAR.

Arrascaeta – O superestimado meia uruguaio, fez uma Copa América, assim como o seu futebol, bom e apenas bom, longe de ser o craque que pintam. Com Jesus, e a suposta ofensividade europeia, começa como titular, não há garantia que essa titularidade se manterá pelo resto do ano.
Cartola: Contra o Goiás em casa, vale a pena ESCALÁ-LO.

Arboleda – O pobre Arboleda, não está com sorte em relação a suas equipes, a Seleção Equatoriana está em franco declínio, e após 12 anos “dourados” está voltando a ser a 9ª força do continente e o São Paulo não preciso “perder tempo” para explicar, o fato, é que o zagueiro-zagueiro, como diria o Pofexô Luxemburgo, é MUITO BOM zagueiro, de forte presença física, cumpre bem o papel principal de um zagueiro que é bloquear o ataque adversário, além de uma EXCELENTE presença ofensiva em bolas aéreas.
Cartola: Apesar dos elogios, NÃO ESCALE, o jogo é contra o Campeão Palmeiras e possivelmente o tricolor será goleado.
Pensando: E os Jogadores da Copa América? Pensando: E os Jogadores da Copa América? Reviewed by Daniel Leal on sábado, julho 13, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário

Home - #3 Adsence